(015) 3359.0110

OLGGEO PARTICIPAÇÕES

A importância da Gestão do Conhecimento

focologologo

A importância da Gestão do Conhecimento

 

Ao iniciar uma atividade, tanto pessoal quanto empresarial, inicia-se também um ponto importante, a aquisição de conhecimento referente a essa área, ou seja, a famosa curva de aprendizado, porém todo esse conhecimento deve ser divulgado e ser acessível para quem precisa. Agora, imagine em uma empresa com vários colaboradores, quanto conhecimento cada um aprendeu na vida ou na atividade empresarial, quanto conhecimento que poderia ajudar a empresa e fica inacessível a todos, somente disponível para aquela pessoa que o detém.

O que queremos dizer é com o tempo, acumulamos experiência e informação suficientes para contribuições significativas, em termos de amadurecimento pessoal e negocial, além do aumento da eficiência na realização do trabalho. Mas caso esse conteúdo valioso não esteja bem organizado (gerido), pouco ou nada pode trazer em termos de benefícios, aí que entra a gestão do conhecimento.

Assim, gerindo o conhecimento é possível incrementar a posição da empresa perante o mercado, clientes e concorrentes, tendo uma gigantesca fonte de informações e conhecimento que pode solucionar inúmeros problemas e suprir necessidades.

Para que o conhecimento comece a ser gerido deve ser dado os primeiros passos que são:

1. Implemente uma estrutura de arquivamento de documentos e conteúdos, físicos e eletrônicos, organizados por negócios, transações, projetos, ou informações de atualização e cunho estratégico na linha do tempo (incluindo correspondências em meio eletrônico e físico). Faça com que a sua equipe incorpore a cultura para a preservação deste material;

2. Sem engessar o dia-a-dia, e sem esmagar a empresa com procedimentos sem fim, estabeleça padrões para a confecção de documentos, de contratos e propostas a apresentações e outros conteúdos produzidos;

3. Eleja um colaborador como guardião destes procedimentos e de sua organização;

4. Estabeleça critérios de acesso, de forma a não infringir cláusulas de sigilo ou permitir vazamentos de informações;

5. Diante da massa de conteúdos e informações, estabeleça um filtro em convergência com as necessidades cotidianas e estratégicas de informações e acesso de sua equipe. Isso contribui para a disponibilização de conteúdos dirigidos, com fácil localização e sem acúmulos desnecessários;

6. Estabeleça um processo interno de contribuição para a alimentação da base de conhecimento comum. Isso deve envolver não somente o arquivamento estruturado, mas também as dinâmicas de compartilhamento do conhecimento. Desta forma todos os colaboradores podem contribuir adicionando informações em linha com critérios pré-estabelecidos.

7. Quando possível sistematize estes procedimentos.

Portanto, é importantíssimo que o conhecimento dentro da empresa seja gerido de forma a possibilitar um avanço no mercado onde atua.

 

Fonte: Baseado em artigos da internet